A maior feira de cultura negra da América Latina.

Blog

Caldeirão do Negão reúne música, exposições, fotografia, dança e workshop na Casa das Caldeiras


O cantor, compositor e ator
Bukassa sobe no palco do Caldeirão

A Casa das Caldeiras vai simplesmente “ferver” no Dia da Consciência Negra, em 20 de novembro de 2011. Entre às 15h e às 21h acontecerá o CALDEIRÃO DO NEGÃO, evento colaborativo com ENTRADA FRANCA, e organizado pela equipe de artistas e produtores de cultura, colaboradores da Pílulas de Cultura da Feira Preta. O Caldeirão do Negão integra as comemorações dos 10 anos da FEIRA PRETA.

Os principais shows:

Fernando Ébano é percussionista, arranjador vocal e produtor musical em diversos álbuns e jingles. E lança seu primeiro álbum, “Solta o Som “. Bukassa é cantor compositor e ator; nascido na Bélgica, criado na República do Congo e naturalizado brasileiro, ele vai sacudir o Caldeirão com swingue brasileiro e dedilhados de guitarra congolesa. Banda Alafia mostra sua musica contemporânea com “identidade-preta-contemporânea-além”África-Brasil.”Com a junção da Black music com música tradicional, a imagem e a presença do MC, os vocais à frente e constante inspiração no jazz”. O JB Samba leva para o palco toda a tradição do estilo com a experiência de seus 40 anos nos palcos brasileiros.

O público ainda poderá:

  • aprender a dançar samba-rock
  • tocar tambores por meio de um Workshop
  • visitar exposições de artes plásticas e fotografia
  • apreciar um desfile de moda com as últimas tendências afro-brasileiras.
  • Ver ao vivo a produção de grafites
  • Performances de dança afro e dança contemporânea

É a festa da diversidade da cultura afro-brasileira reunida em um só espaço.

Banda Alafia mostra sua “identidade-preta-contemporânea-além”

Sobre o Calderão do Negão

Criado de forma coletiva, a idéia do Caldeirão nasceu a partir da junção de diversos artistas e produtores de cultura negra, reunidos durante o Curso de Negócios Culturais Sustentáveis, realizado pelo Instituto Feira Preta, e que reuniu negros empreendedores de diversas áreas, como educação, dança, música, videomakers e designers. Durante o curso, empreendedorismo, sustentabilidade, criação em rede e produção a partir de processos colaborativos deram o tom das reuniões.

O Caldeirão do Negão foi criado com o objetivo de mostrar que hoje é perfeitamente possível para a comunidade negra criar em rede, de forma colaborativa, criando novos relacionamentos e parcerias, além do compartilhamento de idéias e conhecimento.

Maiores informações em nosso site www.caldeiraodonegao.com

No Comments

Leave a Reply