A maior feira de cultura negra da América Latina.

Blog

Seminário sobre Produção Cultural Negra e Economia Criativa

Seminário de Boas Práticas na Produção Cultural Negra na Perspectiva da Economia Criativa

No ano de 2011 com a realização da 10ª. Edição da Feira Preta encerrou um ciclo virtuoso. Foram 10 anos de árdua, mas saborosa construção deste evento. A 11ª. Feira Preta  vem esse ano repleta de novidades e abre um novo momento.

A Feira Cultural Preta é promovida pelo Instituto Feira Preta, em parceria com o poder público, iniciativa privada e os produtores e empreendedores da cultura negra.

Um evento multi facetado com exposições de artes plásticas e fotografia, performances de teatro, dança, exibição de filmes, shows musicais e palestras.

Na sua 11ª. edição, que acontece de 11 a 17 de novembro deste ano, a proposta do Festival é colocar em pauta a cidade de São Paulo como pólo de produção cultural contemporânea afro-brasileira e criar um roteiro afro para o mês de novembro.

Na programação teremos dois dias dedicados ao Seminário de Boas Práticas na Produção Cultural Negra na Perspectiva da Economia Criativa.

Ainda que o tema da economia criativa comece a ser objeto de discussão e atenção de programas sociais públicos e privados, da curiosidade jornalística, de pesquisas antropológicas, estudos teóricos e análises políticas, é importante a promoção de encontros que abram um espaço democrático de articulação entre estes movimentos culturais e suas redes apoio, produção e consumo.

É neste sentido, que o Seminário vai procurar garantir para estes novos agentes culturais um espaço aberto de reflexão, para o debate de idéias e troca de experiências e, sobretudo, para a articulação de políticas e alternativas eficazes para a construção de uma sociedade mais justa e igualitária.

O Seminário contará com uma mesa de abertura e receberão representantes da Fundação Palmares, SEPPIR, CONE, Deputada Leci Brandão, Secretaria de Estado e Município da Cultura entre outras organizações. O Seminário ajudará na reflexão para a  construção de estratégias e deverá apontar caminhos e os desafios para a sustentabilidade desse segmento.

12/Novembro – Segunda-Feira das 18h às 22h

Mesa – 1: Painel 1 : Modelos de Gestão de Projetos e Empreendimentos Culturais Negros

Participantes:

Renata Felinto  – Cubo Preto

Conceição Vercesi – Botuáfrica

Magnu Sousá –Sambistica Produções

Mediação: Adriano José – Rede Kultafro

Painel 2: Políticas Públicas , Cultura, Sustentabilidade e Mercado

Participantes:

Pedro Neto – Campomare Produções

Prof. Juarez Xavier – Neo Criativa/ UNESP Bauru

Vera Lucia Benedito

Mediação: Leno Silva – Rede Kultafro

13/Novembro – Terça-Feira das 18h às 22h

Painel 3: Circulação e Consumo de projetos e produtos culturais

Participantes:

Prof. Alex Macedo – UFBA

José Nabor – Revista O Menelick

Laboratório Fantasma – Emicida/Evandro Fioti

Marcos Agostinho – MAS Pesquisa

Mediação: Rede Kultafro

Painel 4: Mídia Negra

Paulo Rogério (BA) (Corrêio Nagô),

Alexandre de Maio – Catraca Livre

Mauricio Pestana – Revista Raça

Cori Murray – Revista Essence (EUA)

Mediação: Luiz Paulo Lima – Rede Kultafro

Consideramos a Sustentabilidade dos atores, protagonistas e fazedores da cultura negra como uma questão fundamental a ser discutida, pensada e alcançada pelo Instituto Feira Preta.

No Comments

Leave a Reply