A maior feira de cultura negra da América Latina.

Blog

Lançamento da Coleção da UNESCO

Lançamento da Coleção da UNESCO

História Geral da África

Evento em São Paulo -CEA/USP e CECAFRO/PUCSP – Tuca Arena – 6 de abril/2011

Local: Tuca Arena – PUC-SP

Período da manhã -9:30 horas – Lançamento da Coleção História Geral da África

Convidados oficiais

– Ministro da Educação Fernando Hadad

– Ministério da Cultura

– Representante da UNESCO no Brasil

– Ministra da SEPPIR, Luiza Barros

– Cônsul Geral da África do Sul

– Secretário de Educação do Estado de São Paulo

– Secretário de Educação do Município de São Paulo

– Reitor da Universidade Federal de São Carlos

– Reitor da Pontifícia Universidade Católica de São Paulo

Coordenação: Prof. Valter Silvério (UFSCAR)

TEMA – Coleção HGA: fonte multidisciplinar de conhecimentos sobre a África

10:30 horas – Mesa I: História, cultura e o legado civilizatório africano

– Prof. Valter Silvério (UFSCAR)

– Prof. Kabengele Munanga (CEA/USP)

– Prof. Fernando Albuquerque Mourão (USP)

– Prof. Joel Rufino dos Santos (UFRJ)

Comentários: representante da UNESCO

Coordenação: Prof. Paulino de Jesus Cardoso (UDESC e ABPN)

Período da tarde

14:00 horas – Mesa II: África e diáspora: formação de profissionais e produção de materiais pedagógicos

– Profa. Petronilha Beatriz Gonçalves e Silva (UFCAR)

– Profa. Fulvia Rosemberg (PUC/SP)

– Profa. Maria Aparecida da Silva Bento (CEERT)

– Prof. Jean-Michel Tali – Historiador, Membro do Comitê Científico para elaboração do Material Pedagógico a partir da Coleção História Geral da África

Comentários e coordenação: Prof. Dagoberto José Fonseca (UNESP)

16:00 – Mesa III: História, historiografia e a produção de saberes na África e na diáspora

– Prof. Alberto da Costa e Silva

– Prof. Ali Moussa Iye (UNESCO)

– Prof. Muryatan Barbosa (doutorando USP)

Comentários e coordenação: Prof. Acácio Sidinei Almeida Santos (PUC/SP)

Cristina Teodoro Trinidad

Setor de Educação

Representação da UNESCO no Brasil

Email: cristina.trinidad@unesco.org.br

http://www.unesco.org/pt/brasilia/

2011 – Ano Internacional dos Afrodescendentes

____________________________________________________________________________________

Em 1964, a UNESCO dava início a uma tarefa sem precedentes: contar a história da África a partir da perspectiva dos próprios africanos. Mostrar ao mundo, por exemplo, que diversas técnicas e tecnologias hoje utilizadas são originárias do continente, bem como provar que a região era constituída por sociedades organizadas, e não por tribos, como se costuma pensar.

Quase 30 anos depois, 350 cientistas coordenados por um comitê formado por 39 especialistas, dois terços deles africanos, completaram o desafio de reconstruir a historiografia africana livre de estereótipos e do olhar estrangeiro. Estavam completas as quase dez mil páginas dos oito volumes da Coleção História Geral da África, editada em inglês, francês e árabe entres as décadas de 1980 e 1990.

Além de apresentar uma visão de dentro do continente, a obra cumpre a função de mostrar à sociedade que a história africana não se resume ao tráfico de escravos e à pobreza. Para disseminar entre a população brasileira esse novo olhar sobre o continente, a UNESCO no Brasil, em parceria com a Secretaria de Educação Continuada, Alfabetização e Diversidade do Ministério da Educação (Secad/MEC) e a Universidade Federal de São Carlos (UFSCAR), viabilizaram a edição completa em português da Coleção, considerada até hoje a principal obra de referência sobre o assunto.

O objetivo da iniciativa é preencher uma lacuna na formação brasileira a respeito do legado do continente para a própria identidade nacional.

Comments: 8

Leave a Reply